Há cerca de 3 anos comecei a introduzir a alimentação natural aos meus dois cães, Oliver, um vira lara, e Muniz, um dachshund. Como contei nesse post, decidi alimentar meus cães com comida de verdade porque Oliver, que hoje tem quase 9 anos, tinha muitos problemas gastrointestinais e alergias. Trocar uma ração qualquer por uma sem corantes ajudou, mas não resolveu. Assim passei a dar comida natural e aí sim tudo melhorou.

Comecei dando comida numa refeição e ração na outra, e então quando acabou nosso último saco de 15 kg de ração decidi dar apenas alimentação natural aos meus cães, também conhecida como AN para animais domésticos. Continuo com duas refeições ao dia para ambos, uma pela manhã e outra a noite.

alimentação natural para cães

Imagem: Pet Serviços

Cozinho normalmente uma vez por semana um panelão de comida, sendo uma mistura de arroz, legumes e proteína, separo em vasilhas e guardo algumas na geladeira e outras no freezer. Assim vou servindo aos poucos e não preciso cozinhar todos os dias, apenas aquecer aquela porção de comida.

A alimentação natural melhorou muito a saúde dos meus cães e também foi muito vantajosa financeiramente. Antes gastávamos cerca de R$ 120-R$ 150 com ração por mês, enquanto hoje apenas passamos a comprar mais frango, visceras, arroz e legumes, gastando cerca de R$ 60 por mês no que compramos a mais por conta dos cães. A vantagem é que, fora as visceras, como fígado de boi e coração de frango, todo resto consumimos aqui em casa. Damos sempre comida cozida para os cães, fora cenoura, que de vez em quando Muniz come crua.

alimentação natural para cães

Muniz comendo

Não houve alteração no cheiro ou consistência das fezes e meus cães não ficaram com mais tártaro por conta da alimentação natural. O Muniz come coisas diferentes mais fácil que o Oliver, mas triturando e misturando bem alimentos como chuchu e cenoura na comida ele come tranquilo. A transição da ração para a AN também foi bem fácil, pois a comida que faço pra eles ficam bem cheirosa e parece apetitosa. 😀

Em dias de muito frio faço um sopão e bato, dando assim um creme bem morninho para os dois. Há várias receitas legais de pratos naturais para cães, confira algumas no site cachorro verde.

Assista também ao vídeo onde falei um pouco sobre a alimentação natural dos meus cães:

Ainda acredito na ração como petisco, na emergência ou em situações de pouco tempo, onde não há como cozinhar e/ou armazenar comida para os peludos em casa. Porém a alimentação natural trouxe muitos benefícios para os meus cachorros e por isso sempre indico-a a amigos e familiares com peludos. Antes de aderir pesquise bem sobre e se possível consulte um veterinário de confiança. É importante que as refeições do seu peludo sejam equilibradas e atendam às necessidades nutricionais dele. 😉